Rua da Ponte, nº 40, 4805-302 Ponte csrccampelos@gmail.com 253 039 084 - Chamada para a rede fixa nacional

Cultura

Grupo Teatro Amador de Campelos

0
anos de existência
0
+ de 200 atuações

O Grupo de Teatro Amador de Campelos (G.T.A.C.) existe desde 1976, fundindo-se a sua criação com a fundação da instituição a que pertence (C.S.R.C.C.). Tem sido ao longo dos anos um ponto de encontro cultural na nossa comunidade. O G.T.A.C. conta com um elenco jovem, com vontade de elevar o Teatro Amador a níveis de excelência. 

Além do teatro, este grupo sempre esteve ao dispor da instituição que representa para tudo o que for necessário, tornando-se numa pedra fundamental da mesma. Sempre que possível promove também a convivência com os mais idosos, sendo este convívio de gerações uma experiência extremamente enriquecedora.


PRINCIPAL OBJETIVO

Como grupo amador, o G.T.A.C. tem conseguido montar um espetáculo principal a cada ano que passa. Esses espetáculos têm sempre como objetivo primordial levar o teatro onde grandes companhias não chegam. O grupo tem a capacidade de se adaptar às condições reais que surgem a cada lugar que vai. É um grupo versátil e muito polivalente, não só na entreajuda mas também na capacidade de reinventar a encenação, adaptando-se por vezes na hora ao palco (ou à inexistência do mesmo) que lhe é proposto para atuar.

O SEU PASSADO

Olhando um pouco para o passado, lembramo-nos de pessoas que hoje não fazem parte do grupo, mas que lembram com saudade as vezes em que representaram o nosso distrito em Lisboa, no Teatro da Trindade ou debaixo da pala do pavilhão de Portugal (no espaço onde decorreu a Expo 98), através do INATEL. Frequentemente o grupo também encontra locais com condições muito escassas, mas sempre conseguiu adaptar-se à realidade e representou sem preconceitos para que o público presente tivesse a oportunidade de assistir.

A SUA ESSÊNCIA

A essência do G.T.A.C., e do teatro amador em geral, é sentimos a obrigação de estarmos disponíveis para levar o teatro aqueles que não têm a oportunidade de sentir a cultura. Continuaremos a dar o nosso contributo para que as nossas comunidades tenham a oportunidade de terem acesso a um bocadinho mais de cultura, contrariando a tendência de centralização da oferta cultural.

Connosco o teatro amador está vivo e de boa saúde!

  • “Deus lhe Pague” de Joracy Camargo
  • “O Tartufo” de Moliére
  • “Falar a verdade a Mentir” de Almeida Garrett
  • “Auto da Barca do Inferno” de Gil Vicente
  • “Médico à Paulada” – adaptação da obra “Médico à Força” de Moliére
  • “Vida Dupla” – Baseado na obra – “Run For Your Wife” de Ray Cooney (1983)
  • “A Jorna” de Paulo Teixeira – Apresentada no âmbito da Capital Europeia da Cultura – Guimãrães 2012
  • “Tributo a Raul Solnado”
Novo trabalho
"Dois Tempos" - Tributo a Raul Solnado & Charles Chaplin 85%

ESTREIA A 12 NOVEMBRO, 21H30, AUDITÓRIO GRANDE DA UNIVERSIDADE DO MINHO

Fotos do último trabalho da apresentação no Centro Cultural Vila Flor a 24.10.2021
Grupo Teatro de Campelos no CCVF
Grupo Teatro de Campelos no CCVF
photo by C.C.V.F.